Pensadores Brasileiros       

Anúncios
Procure o livro dos seus pensadores favoritos na Livraria Cultura!

Add to Technorati Favorites


Arquivos
Posts anteriores
- Qual é o idiota mais chato?
- MST em poucas imagens
- Direitos humanos sob a ótica esquerdista
- Não são urnas que melhoram os governos. É o influx...
- Pensamentos/excrementos esquerdistas
- Cocômunistas ou bostinhas?
- Um mês faz uma enorme diferença para a Rússia e a ...
- O Gênio da Lâmpada Estatal
- Estado-babá no Brasil
- Cartun do Flatuff

Histórico
2002-11-10
2006-11-12
2006-11-19
2006-11-26
2006-12-03
2006-12-10
2006-12-17
2006-12-24
2006-12-31
2007-01-07
2007-01-14
2007-03-18
2007-03-25
2007-04-01
2007-04-08
2007-04-15
2007-04-22
2007-04-29
2007-05-06
2007-05-13
2007-05-20
2007-05-27
2007-06-03
2007-06-10
2007-06-17
2007-06-24
2007-07-01
2007-07-08
2007-07-15
2007-07-22
2007-07-29
2007-08-05
2007-08-12
2007-08-19
2007-08-26
2007-09-02
2007-09-09
2007-09-16
2007-09-23
2007-09-30
2007-10-07
2007-10-14
2007-10-21
2007-10-28
2007-11-04
2007-11-18
2007-11-25
2007-12-09
2007-12-16
2007-12-23
2007-12-30
2008-01-06
2008-01-20
2008-01-27
2008-02-03
2008-02-10
2008-03-02
2008-03-09
2008-04-06
2008-05-11
2008-05-18
2008-05-25
2008-06-08
2008-06-22
2008-07-13
2008-07-20
2008-07-27
2008-08-03
2008-08-10
2008-08-17
2008-08-24
2008-08-31
2008-09-07
2008-09-14
2008-09-28
2008-10-05
2008-10-12
2008-10-26
2008-11-09
2008-11-16
2009-01-04
2009-01-11
2009-01-18
2009-01-25
2009-02-01
2009-02-08
2009-02-15
2009-02-22
2009-03-01
2009-03-08
2009-03-15
2009-03-22
2009-03-29
2009-04-12
2009-04-19
2009-05-10
2009-11-08
2009-11-15
2009-11-22
2009-12-06
2009-12-13
2010-01-10
2010-04-04
2010-04-11
2010-04-18
2010-05-23
2010-05-30
2010-06-06
2010-06-20
2010-10-10
2010-10-17
2010-11-07
2010-11-21
2010-11-28
2011-02-06
2011-02-27
2011-03-06
2011-03-20
2011-07-17
2011-09-04
2011-09-25
2011-12-18
2014-02-09
2014-02-16
2014-02-23
2014-03-02
2014-03-09
2014-03-16


quinta-feira, setembro 27, 2007

Regime comunista executa 10 milhões de brinquedos

Autoridades Chinesas executam 10 milhões de brinquedos irregulares



Bonecas Barbie executadas no paredão
Barbies suspeitas de contaminação com tinta à base de
chumbo são fuziladas no paredão na China.
BEIJING — Em uma tentativa de assegurar às crianças do mundo que elas não correm mais perigo com os milhões de brinquedos fabricados na China, autoridades chinesas anunciaram na última terça-feira que milhões de brinquedos foram presos e condenados à morte. Os brinquedos que foram recolhidos eram suspeitos de conter tinta tóxica à base de chumbo e objetos pequenos com perigo de sufocamento.

"O Partido Comunista assume o compromisso com o bem-estar das crianças e a tranquilidade dos consumidores", disse o presidente chinês Hu Jintao em uma conferência à imprensa. "Meninos e meninas do mundo, você não precisam se preocupar. Seus brinquedos serão executados sumariamente. Quando terminarmos, não vai sobrar nada para brincar."

Nas últimas seis semanas, a empresa americana Mattel recolheu mais de 20 milhões de brinquedos de fabricação chinesa que acredita-se que contenham tinta à base de chumbo e outros problemas de segurança, uma situação que levou o governo chinês a enviar as forças do Exército de Libertação do Povo aos setores industriais para executar de forma implacável quaisquer itens restantes que não tenham sido ainda exportados. Até agora, avalia-se que 9 a 10 milhões de brinquedos, de bonecas anônimas e carrinhos em miniatura a personagens com marca registrada como a Locomotiva Thomas, o macaquinho George Curioso, e o Garibaldo da Vila Sésamo alegadamente sofreram chutes, golpes com rifles, choques, sufocamento, torturas com pregos após terem as orelhas decepadas e os olhos perfurados, após o que foram fuzilados.

"Creiam-me quando digo que vocês podem descansar sossegados", disse Hu, que, segundo fontes, deu ordens diretas às tropas para que forçassem milhares e milhares de bonecas Polly Pocket a se ajoelharem, apontassem os rifles para suas nucas e explodissem seus crânios cheios de toxinas em migalhas. "Queremos assegurar ao mundo que estamos resolvendo esse problema. Nós servimos ao povo jovem."

Os fabricantes chineses de brinquedos relatam que estão cumprindo com a vontade do governo. De acordo com a agência de notícias Xinhua, nos últimos 3 dias, os donos de fábrica tiraram aproximadamente 365 mil bonecas Barbie de suas luxuosas casinhas de brinquedo em uma série de buscas violentas. Durante essas buscas, as Barbies foram separadas de seus maridos Kens, despidas e tiveram suas cabeças raspadas. Elas foram levadas para uma área secreta, encostadas em um paredão pois não tinham como ficar de pé por si mesmas e executadas por um pelotão de fuzilamento, ao que soldados de brinquedo foram forçados a assistir.

"Estamos prestando assistência às autoridades na destruição dos brinquedos", disse Chen Hai, gerente sênior da Joy Sing Plásticos Industriais, um fornecedor contratado por grandes empresas de brinquedos. "Não estamos apenas falando. Convidamos os pais para virem aqui dar um passeio pelas câmaras de tortura e ver a agonia dos brinquedos por si mesmos."

Chen acrescentou que, por precaução, a fábrica também executou 5 mil funcionários.

Uma organização não governamental de monitoramento de direitos dos brinquedos, a Associação pela Defesa das Pessoas de Plástico (ADPP), informou que coletou evidências que sugerem que o governo chinês também deteve mais 20 milhões de brinquedos para interrogatório. De acordo com o grupo, até mesmo brinquedos que continham apenas traços de tinta de chumbo foram levados em trens para centros de detenção em províncias remotas da China ocidental, onde foram alegadamente impedidos de dormir, queimados com cigarros e sujeitos à tradicional tortura chinesa com água.

A ADPP também liberou um vídeo clandestino filmado em um centro de detenção mostrando oficiais da inteligência chinesa tentando extrair informação sobre a localização dos brinquedos Bonecas da Mamãezinha suspeitas de conterem chumbo, apesar do fato de que elas eram capazes apenas de pedir mamadeira e brincar de esconde-esconde. A filmagem macabra mostra os olhos das bonecas sendo forçados a ficarem abertos com adesivo e um ferro de soldar incandescente sendo introduzido no local em que seriam seus genitais.

O ministro do comércio Bo Xilai disse que espera que os expurgos em massa dos brinquedos sejam considerados "uma mensagem firme para os nossos inimigos que nos ameaçam com seus compostos químicos perigosos".

"Só arrancando a pele do boneco Elmo e os braços da boneca Dora e exibindo suas partes esquartejadas publicamente é que podemos efetivamente advertir os brinquedos para que nunca ameacem a vida das pessoas", disse Bo.

Entretanto, representantes do governo se recusaram a confirmar o paradeiro da Locomotiva Thomas, sobre a qual há rumores de que tenha sido despedaçada por cães policiais na Mandchúria. Nem tampouco responderam às alegações de que centenas de escavadoras de brinquedo em miniatura na província de Guangdong foram forçadas pela militância do Partido a cavarem suas próprias sepulturas antes de serem executadas.




Fonte: Onion

Marcadores: , , ,



postado por PBR às      
                1 Comentários                 Links para esta postagem

Onde comprar livros:
Submarino  Livraria Cultura







Os governos em ação...

Um governo municipal gasta a quantia recorde de US$250 mil em publicidade para anunciar que falta verba...

Governos só sabem gastar

Marcadores: , , , , , , , ,



postado por PBR às      
                0 Comentários                 Links para esta postagem

Onde comprar livros:
Submarino  Livraria Cultura







segunda-feira, setembro 24, 2007

A ciência precisa dos hereges condenados pela militância do aquecimento global

O texto de Freeman Dyson desafia o dogma histérico do aquecimento global e cita duas heresias do astrônomo Tommy Gold que foram provadas corretas apesar da oposição dos experts. Freeman Dyson é professor de Física no Institute for Advanced Study, em Princeton e já publicou vários livros sobre matemática, astronomia e ciência em geral.

A seguir, alguns trechos:

"Minha primeira heresia é dizer que toda essa celeuma sobre aquecimento global é um exagero grotesco. Eis me aqui em oposição à irmandade sagrada dos peritos em modelagem de clima e a multidão de cidadãos iludidos que acreditam nos números preditos pelos modelos de computador. É claro, eles dizem, que eu não tenho formação em meteorologia e portanto não sou qualificado para falar disso. Mas eu estudei os modelos de clima e sei o que eles podem fazer.

Os modelos resolvem equações de dinâmica dos fluidos, e eles descrevem muito bem os movimentos dos fluidos da atmosfera e dos oceanos. Mas eles são péssimos em descrever as nuvens, a poeira, as reações químicas e a biologia de áreas como fazendas e florestas. Eles não chegam nem perto de descrever o mundo em que vivemos. O mundo real é misturado, obscuro e cheio de coisas que não compreendemos ainda. É muito fácil para um cientista se acomodar num prédio com ar condicionado e rodar modelos de computador, do que vestir roupas de trabalho e medir o que realmente está acontecendo lá fora nos pântanos e nas nuvens. É por isso que os experts em modelagem de clima acabam acreditando em seus próprios modelos."

"O público não gosta muito dos cientistas que dizem, 'Sinto muito, mas não sabemos'. O público prefere escutar os cientistas que respondem às questões com confiança e que fazem previsões confiantes do que vai acontecer em resultado das atividades humanas. Então acontece que os experts que falam publicamente sobre questões politicamente delicadas tendem a falar com mais clareza do que eles pensam. Eles fazem previsões confiantes acerca do futuro e acabam acreditando em suas próprias previsões. Suas previsões se tornam dogmas que eles não questionam. O público é levado a acreditar que os dogmas científicos da moda são verdadeiros, e às vezes acontece de eles estarem errados. É por isso que precisamos de hereges que questionem os dogmas.

Como cientista, eu não tenho muita fé em previsões. A ciência é organizada de maneira imprevisível. ... Quando eu faço previsões, eu não falo como cientista. ... Seu propósito é imaginar o que pode acontecer em vez de descrever o que vai acontecer. ... Os dogmas vigentes podem estar corretos, mas eles ainda precisam ser desafiados."

"Não há dúvida de que partes do mundo estão ficando mais quentes, mas o aquecimento não é global. ... os problemas estão sendo exagerados grosseiramente. Eles tiram dinheiro e atenção dos outros problemas que são mais urgentes e mais importantes, tais como pobreza, doenças infecciosas, educação e saúde pública, a preservação das criaturas viventes na terra e nos oceanos, para não citar problemas fáceis de resolver como a construção de diques em torno da cidade de New Orleans."

"Os efeitos físicos vistos nas mudanças de precipitação, nuvens, ventos e temperatura são enganosamente chamados de "aquecimento global". Em ar húmido, o efeito do dióxido de carbono no transporte da radiação é desprezível porque o transporte da radiação térmica é anulada pelo efeito estufa do vapor de água que é muito maior. ... O efeito de aquecimento do dióxido de carbono é maior onde o ar é frio e seco, mais no ártico em vez de nos trópicos, principalmente nas montanhas em vez de nas planícies, mais no inverno em vez de no verão, e principalmente de noite em vez de dia. ... representar o aquecimento local através de uma média global é enganoso."

"A razão fundamental pela qual o dióxido de carbono na atmosfera é criticamente importante para a biologia é que há bem pouco dele. Um campo de milho crescendo em plena luz solar do meio-dia usa todo o dióxido de carbono a até um metro do solo em 5 minutos. Se o ar não estivesse constantemente em movimento pelas correntes de convecção e pelos ventos, o milho pararia de crescer. Certa de um décimo de todo o dióxido de carbono na atmosfera é convertido em biomassa a cada verão e devolvido à atmosfera a cada inverno. É por isso que os efeitos da queima de combustível fóssil não podem ser separados dos efeitos no crescimento e mortalidade das plantas."

Marcadores: , , , ,



postado por PBR às      
                0 Comentários                 Links para esta postagem

Onde comprar livros:
Submarino  Livraria Cultura







domingo, setembro 23, 2007

Mais trechos da entrevista com Yuri Bezmenov

O dissidente russo, ex-funcionário da KGB, Yuri Bezmenov, é entrevistado por G. Edward Griffin (documentário "Soviet Subversion of the Free Press"-1984) e comenta a propaganda fabricada para fazer a União Soviética parecer bem sucedida, sua fuga para o Ocidente, os militares soviéticos e o interesse da KGB nos gurus indianos e suas doutrinas falsas com o objetivo de desmoralização do mundo livre.










Agradecimentos a Toth do Orkut pela indicação e a David Carvalho, pela tradução.

Ver também:
A corrupção moral da sociedade pelos marxistas - Parte 1
A corrupção moral da sociedade pelos marxistas - Parte 2
Marxistas, os idiotas úteis

Marcadores: , , , , , , , , , ,



postado por PBR às      
                5 Comentários                 Links para esta postagem

Onde comprar livros:
Submarino  Livraria Cultura







Voltar a Pensadores Brasileiros